Chamadas

Dossiê – Revista FORPROLL (ISSN 2526-7507 – Qualis B4/Avaliação 2019)

BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR PARA QUE(M)? ATORES DO PROCESSO NACIONAL EM ANÁLISE

As mudanças no cenário educacional na última década provocaram profundas reflexões no processo de promoção dos currículos nacionais. Os antigos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs), que norteavam os componentes curriculares, foram substituídos pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC). A BNCC, diferente dos PCNs, não apenas vigora como normativa, mas, está na última redação de alteração da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB – Lei 9394/96). Por entender que há um Brasil de Brasis, como já apontava Darcy Ribeiro, a implementação de um documento educacional no viés normativo aparenta não perceber os contrastes sociais, regionais e culturais do país. Desse modo, o dossiê pretende discutir, a partir dessas reflexões e nuanças, a percepção dos documentos e dos atores (professores, políticas, alunos, instituições, matérias e metodologias, etc) no processo de implementação da BNCC.

 

Organização:
Ester Maria de Figueiredo SOUZA (GPLEd-CNPq-UESB/UESB)
Eduardo Dias da SILVA (FORPROLL-UFVJM-CNPq/PósLit-UnB)
Renato de Oliveira DERING (FORPROLL-CNPq/Uni-ANHANGUERA)

 

Recebimentos de artigos e ensaios até: 30 de outubro de 2019. [prorrogado]
Publicação (previsão): Janeiro/2020
Envio: revista.forproll@gmail.com

 

ORGANIZADORES

Ester Maria de Figueiredo Souza

Professora Adjunta da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e Pós-Doutora em Linguística pela Universidade de Brasília (UnB). Professora do Programa de Pós-Graduação em Letras e em Educação da UESB. Atua na área de Educação e Linguagem, no âmbito de estudos bakhtinianos, dialogia e ensino, gêneros discursivos, educação linguística, letramentos, ensino e aprendizagem de língua portuguesa, currículo e formação docente. É líder do GPLEd/CNPQ/UESB. Possui experiência em coordenação acadêmica de Programas de Pós-graduação e em Comitês técnicos de assessoramento nas áreas de Ciências Humanas, Educação, Letras, Linguística.

Eduardo Dias da Silva

Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Literatura da Universidade de Brasília (PósLIT/UnB). Mestre pela mesma instituição no Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada (PGLA/UnB). Pesquisador dos Grupos CNPq GECAL/UnB, FORPROLL/UFVJM e GIEL/UFLA; membro da Associação Brasileira de Linguística (ABRALIN), da Associação de Linguística Aplicada do Brasil (ALAB) e da Associação de Professores de Francês do Distrito Federal (APFDF). Atua nas áreas de: Didática de Línguas, Ensino e aprendizagem de LE/L2, Práticas de Leitura, os Estudos sobre Gêneros Discursivos/Textuais, os (Multi)Letramentos e Transculturalidade em ambientes de ensino-aprendizagem, bem como a Formação de Professores.

Renato de Oliveira Dering

Professor Assistente no Centro Universitário de Goiás (Uni-ANHANGUERA). Doutorando em Letras e Linguística pela Universidade Federal de Goiás (PPGLL-UFG), Mestre em Letras pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e Graduado em Letras – Língua Portuguesa pela Universidade Federal de Goiás (UFG). É líder pesquisador do grupo de pesquisa FORPROLL/CNPq/UFVJM. Tem interesse nas áreas de Letramentos e Ensino de Língua Portuguesa (Língua, Literatura e Cultura) na Educação Básica e no Ensino Superior.

 

 

Fluxo Contínuo

Endereço para envio: revista.forproll@gmail.com

Colocar no assunto do e-mail: Nome da seção a qual se destina a pesquisa.

Conferir normas da Revista.

ISSN 2526-7507 – Qualis B4/Avaliação 2019

INDEXADORES

 

 

 

 

 

 

 

 

 Licença Creative Commons Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição 4.0 Internacional